domingo, 3 de março de 2013

Namoro a distância, precisa mais que amor.


  Saudade. Esse sentimento é apontado como um dos maiores vilões quando acontece o namoro a distância.
A vontade de querer estar com o outro e o medo da traição assolam a mente de quem tenta viver um relacionamento mesmo que alguns quilômetros teimem em atrapalhar o casal.
Eu mesma namoro a alguns meses dessa forma. Tudo depende do amor, da maturidade e da confiança mútua. Se houver desconfiança, ciúme extremo, vigilância e cobrança, o relacionamento vai se acabar.
  Confiança e respeito sustentam a base desse tipo de relacionamento. Talvez o fato de passar pouco tempo juntos pode ser benéfico. No meu caso meu namoradinho trabalha muito e as vezes ate os
sábados e quando nos encontramos é festa, alegria, êxtase, e nos curtimos a valer. Mais, quando o casal distante é infiel e um não se importa com o sentimento do outro, vive um reencontro apático, sem desejos, frio e, quase sempre, cheio de culpa.
  Deve existir cumplicidade, honestidade e, acima de tudo, atração das pessoas envolvidas. Diante de tanta tecnologia hoje oferecida é possível tentar ao menos amenizar a questão da distância para que ambos fiquem mais tranquilos. O importante é que os dois se sintam confiantes diante do compromisso assumido e se empenhem juntos, como um time, para que o brilho permaneça inalterado até a situação de proximidade física dos dois melhorar. E a traição?
  O problema traição não está em quantos quilômetros separam vocês, e sim da falta de respeito de ambos. A distância apenas da uma sensação de facilidade para a traição. Parece que o portão está aberto a qualquer hora. Mas se a relação estiver forte, não é a distância que vai fazer que uma traição aconteça. O que gera isto é a qualidade do relacionamento que o casal vive. Na sociedade de hoje a traição é muito comum, mas não é uma conduta para cristão lembre do que diz Eclesiastes 11.9. Lembre para que o namoro dê certo é necessário mais que amor; é preciso também de carinho, compreensão, acima de tudo, respeito, confiança e paciência.

Um comentário:

  1. Oieee.. Te indiquei para responder uma tag. TAG: Conhecendo um pouco mais... olhá lá: http://janainaborges11.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir